Designer

Jean-Louis Domecq

Lyon deu à sua criação uma medida extra de harmonia que a coloca na fronteira entre o objeto de uso diário e a obra de arte. Contudo, o fato é que ele concebeu uma lâmpada adaptada às suas necessidades comerciais específicas. Uma lâmpada simples, forte e articulada, sem cabos elétricos nas juntas. O modelo definitivo nasceu em 1950.Para produzir sua invenção, Jean Louis Domecq criou Jieldé O sucesso está aí: a lâmpada Jieldé está se espalhando pouco a pouco em fábricas, oficinas e mesas de desenho. As lâmpadas Jieldé deixam para trás o mundo industrial e atingem o mainstream no início dos anos 90. Com muitos novos modelos sendo estabelecidos, agora está entrando em nossos espaços de convivência.

Luminárias

13 produtos

Carrinho

O carrinho está vazío.

Open chat
Olá! Gostaria de falar com um consultor?